Yeda Crusius recebe prêmio de Mérito Político

Honraria reconheceu 15 entidades e personalidades gaúchas que apresentam ações e servem de exemplo para melhoria da sociedade

A ex-governadora e deputada federal Yeda Crusius (PSDB) recebeu o Mérito Político na 24ª edição do Prêmio Líderes e Vencedores. Promovido pela Federasul e Assembleia Legislativa, a premiação anual reconheceu 15 entidades e personalidades gaúchas em cerimônia realizada nesta quinta-feira (8), em Porto Alegre.

Yeda definiu a honraria como “o coroamento” de seus trinta anos de vida pública. A parlamentar relembrou o início da trajetória – foi fundadora do PSDB e ministra do Planejamento e Orçamento do governo Itamar Franco. “O Brasil chamava. Tinha pouca experiência, mas vontade de transformar. E foi isso o que fizemos”, recordou, resgatando o desafio da hiperinflação e a solução promovida pelo Plano Real.

A deputada falou sobre os ciclos da política e a coragem para tomar medidas necessárias – característica de sua atuação pública. Ela ressaltou sua esperança no futuro, agradecendo os gaúchos pela confiança ao longo das três décadas: “Acredito num amanhã mais justo e desenvolvido. Meu Rio Grande, minha querência amada, obrigada por tudo”.

Na categoria de Mérito Político, também foram reconhecidos o deputado estadual Frederico Antunes e Pedro Simon – ex-senador por quatro mandatos e ex-governador. Em seu pronunciamento, Simon lembrou que, em 1992, articulou a nomeação de Yeda para a equipe de Itamar Franco. “Tenho a felicidade de ter aberto essa porta e orgulho de testemunhar essa trajetória a favor da política e do país”, enfatizou, elogiando a atuação firme da deputada na Câmara e os resultados na gestão fiscal durante seu governo.

A união pelo futuro
Para a presidente da Federasul, Simone Leite, exemplos de empreendedorismo criativo, ousadia e engajamento cívico mudam realidades. “Precisamos de inspiração, atitude e cumplicidade. O momento requer mais união”, disse. Como representante da Assembleia, Tiago Simon (MDB) falou da necessidade de os interesses do Estado ficarem à frente dos individuais. “A transformação nasce da visão compartilhada. Somos um celeiro de líderes, e essa liderança precisa comungar do mesmo espírito e propósito”, enfatizou.

Escolhidos por uma comissão de 31 avaliadores de instituições de classe, organizações e veículos de comunicação, os vencedores receberam distinções de Referência Educacional, Expressão Cultural, Destaque Comunitário, Sucesso Empresarial e Mérito Político. No critério Referência Educacional, Jorge Luís Nicolas Audy, o projeto Afroativos da escola Saint Hilaire e o projeto Escola Aberta foram os contemplados. Em Expressão Cultural, Ballet Vera Bublitz, Festival Internacional do Folclore e a Fundação Bienal do Mercosul. E o prêmio de Destaque Comunitário foi para Casa Marta e Maria, Educandário São João Batista e Lapidando Cidadãos. Na categoria Sucesso Empresarial o mérito foi para Triinder, Zenvia e o empreendedor Luiz Leonardo Fração, do Instituto Floresta, que teve participação decisiva para a criação da Lei de Incentivo à Segurança.

Texto e fotos: Lucas Dalfrancis/ Ascom YC
Fonte: Ascom YC
Data da Notícia: 09/11/18

Clique AQUI  e veja mais fotos do evento.

Deixe um Comentário