Livro do advogado José Roberto Castro Neves mostra que tragédias gregas impulsionaram invenção do Direito

As tragédias gregas – como Prometeu, Antígona e Medeia – originaram dilemas que impulsionaram a invenção do Direito, pela descoberta de conceitos como a ampla defesa e a dignidade. A afirmativa está no livro “A invenção do Direito: As lições de Ésquilo, Sófocles, Eurípedes e Aristófanes”, escrito pelo advogado José Roberto de Castro Neves (editora Edições de Janeiro).

Lançada neste ano, a obra mostra o Direito a partir de uma viagem às origens da nossa civilização. O livro, de 280 páginas, tem texto de orelha do professor Joaquim Falcão e prefácio do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal.

José Roberto de Castro Neves é doutor em Direito Civil pela UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), mestre em Direito pela Universidade de Cambridge, professor de Direito Civil na PUC-RJ (Pontifícia Universidade Católica) e na FGV (Fundação Getúlio Vargas) e sócio da Ferro, Castro Neves, Daltro & Gomide Advogados.

Fonte: AMAERJ

Deixe um Comentário