Imprensa

Imprensa 2017-07-03T01:29:50-03:00

Licença para viver

Concordamos que vivemos essa sensação de mal estar na civilização, descrita por Freud no seu tempo (1856/1939), derivada do choque entre o indivíduo e a sociedade que ele mesmo cria. Como pode o solitário indivíduo entender o porque dessa sensação para, ao entender, achar o modo de se livrar desse mal estar?

No sumário dessa discussão, a possibilidade de robôs ganharem inteligência, mas não humanidade, e passarem a controlar o Homem, seu criador. Mas vamos por partes. Vamos refletir juntos sobre a repetição da história. 

31 de maio de 2022|Tags: , , , , |0 Comentários

O passado está de volta, ou a vida é agora

Dando continuidade às reflexões sobre o sentimento de mal-estar geral dos tempos que vivemos, trago hoje mais uma crônica.  Agora, na década de 2020, há um novo fator, de natureza tecnológica. Nos perguntamos se o uso dessas fascinantes invenções pela mesma Humanidade que as criou não pode ser classificado como uma nova peste: a que desumaniza as sociedades pelo avanço da Internet 5.0 (IA), seus donos, e suas realidades paralelas. Engenheiros do caos, rupturas, Fake News. Ameaçam de morte as democracias liberais, conquista da consciência da capacidade destrutiva das grandes guerras. Vamos lá com a pergunta: invenções que foram vistas como criadoras de liberdade via comunicação podem ser o velho “criador contra a criatura”? Pode se transformar em um instrumento de controle, de repressão e de violência ameaçando o que há de humano nas sociedades?

 

30 de maio de 2022|Tags: , , |0 Comentários

O mal-estar dos anos 20

Hoje estou vestida do luto por tantas coisas que não tem conserto, que fazem parte da realidade noticiada. Sequencialmente, tirando o fôlego. Profundo luto. Não apenas pelas vidas perdidas na Ucrânia ou pelo retorno às estatísticas de contágio e morte pelo coronavírus transmutado, nem pela estatística do desmatamento programado ou pelas crianças mortas no massacre da escola da cidadezinha do Texas, nem pela notícia da morte por acidente de Jesse Kox com seu golden retriever chamado de Shurastey, ou pelo veto do presidente ao título para a psiquiatra Nise da Silveira. Agora me chega a notícia da morte de David Coimbra.

27 de maio de 2022|Tags: , , |1 Comentário

A opinião embargada

A sugestão de leitura é o artigo do sociólogo  Demétrio Magnoli na Folha de S. Paulo no último dia 20. Com o título "Opinião embargada", a publicação traz uma denúncia sobre censura interna de opinião.  O raciocínio aplica-se ao português e especificamente à Folha, que escolheu a palavra “embargo” para noticiar o advento da censura interna de opinião (13/5). A preferência pelo eufemismo é um traço clássico da linguagem estatal-burocrática. Num jornal de extensa tradição, é coisa incomum. 

26 de maio de 2022|0 Comentários

Yeda Crusius é destaque em programa da Câmara Municipal de POA sobre mulheres na política

Entrevistada no programa “Trajetórias”, da Câmara Municipal de Porto Alegre (RS), a  presidente do Secretariado Nacional do PSDB—Mulher, Yeda Crusius, destacou a necessidade de mais mulheres em todos os setores sobretudo na política.

19 de maio de 2022|0 Comentários

Yeda Crusius será titular em colegiado responsável pela gestão compartilhada da Federação PSDB-Cidadania

Em entrevista ao programa Bastidores do Poder, com Guilherme Macalossi, na Rádio Bandeirantes de Porto Alegre (RS), a presidente do Secretariado Nacional da Mulher/PSDB, Yeda Crusius, fez uma análise do cenário político para 2022 e das movimentações dentro do PSDB em preparação para a campanha eleitoral. A tucana é uma das titulares do colegiado formado por 14 integrantes do PSDB e 6 membros do Cidadania que será responsável pela gestão compartilhada da Federação PSDB-Cidadania pelos próximos quatro anos. Ouça a entrevista completa aqui

5 de abril de 2022|Tags: , , , , |0 Comentários