Yeda Crusius recebe prêmio por se destacar na vida política

Foto: Divulgação

A presidente do PSDB-Mulher, deputada federal Yeda Crusius (RS), recebeu na noite desta quinta-feira (8) o prêmio Líderes & Vencedores 2018 da Federação de Entidades Empresariais do Rio Grande do Sul (Federasul). Ela foi destaque na categoria Mérito Político. Em seu discurso de agradecimento, a tucana contou como iniciou sua vida política.

“Eu comecei minha vida política na Constituinte. Ali o Brasil chamava pessoas. Eu não era menina. Com alguma experiência, diretora de faculdade, eu disse: “O Brasil pode ser um estado de democrático de direito”. A nossa Constituição celebra 30 anos e eu com ela 30 anos de vida político-partidária. Foi ali que nasceu o PSDB na Constituinte. Foi ali que nasceu uma oportunidade que fiz lá em 1992.”, disse.

Yeda Crusius destacou que foi no governo Itamar, época de muita incerteza e crise gerada pela hiperinflação, que as mulheres começaram a ganhar espaço no Poder Executivo do Brasil.

“O Itamar fez uma coisa naquela época impensada. Ele falou a todo o Brasil “No meu ministério quero duas mulheres.”. Isso era em 1992. Hoje em dia se pensa nisso nós queremos 50% do ministério. Queremos mais mulheres em postos de decisões.”, contou.

A deputada aproveitou para comparar o momento político pelo qual o Brasil passa atualmente com aqueles da época do governo Itamar. Para Yeda, a diferença é a prioridade da população que mudou: hoje clama por segurança pública.

“Hoje a prioridade da população é outra. É segurança pública. Eu também tenho esperança no Brasil que a prioridade haverá ser cumprida exatamente porque Moro poderá fazer para o governo Bolsonaro quem sabe o mesmo papel que fez o Fernando Henrique para o governo Itamar. O futuro ninguém conhece. Essa a premiação de hoje está premiando exatamente essa pluralidade, essa diversidade, essa busca das pessoas de fazer o bem comum a partir de suas escolhas que hoje aqui são premiadas.”, salientou.

Em seus agradecimentos, Yeda destacou Simone Leite, presidente da Federasul, e o deputado estadual Tiago Simon, além da sua família. E finalizou dizendo ter esperança de um futuro melhor para o país.

“Tenho a esperança de um Brasil mais igual, mais justo, e mais desenvolvido sustentavelmente. Muito obrigada a todos.”, concluiu.

Reportagem Shirley Loiola
Fonte: Da Assessoria do PSDB-Mulher Nacional
Data da Notícia: 09/11/18

Veja a transmissão ao vivo do discurso de agradecimento da parlamentar:

Prêmio líderes e vencedores

Publicado por Yeda Crusius em Quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Deixe um Comentário