No Dia Mundial dos Refugiados, Yeda Crusius repudia política dos EUA de separar crianças de seus pais

Crédito da foto: Alexssandro Loyola/ PSDB na CD

A presidente do PSDB-Mulher, deputada federal Yeda Crusius, divulgou uma mensagem de apoio aos refugiados nesta quarta-feira (20). Em vídeo divulgado nas redes sociais, a tucana repudiou a política adotada pelos EUA de separar crianças de seus pais como maneira de desencorajar as tentativas de imigrantes mexicanos entrarem ilegalmente no país. A determinação de “tolerância zero” adotada pelo presidente americano Donald Trump tem repercutido negativamente e gera protestos em todo o mundo.

“Hoje é dia 20 de junho, Dia Mundial dos Refugiados. Não dá para deixar passar esse dia sem nos manifestarmos com repudio ao que está acontecendo na fronteira entre o México e os EUA. É intolerável o que está se fazendo com as crianças e seus pais”, protestou.

Yeda também lembrou os problemas que o Brasil está passando em relação aos refugiados vindo da Venezuela na fronteira com Roraima. “O Brasil precisa se preparar com políticas públicas para dar-lhes dignidade e oportunidades que eles não encontram nos seus países”, disse.

O dia 20 de junho foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) como Dia Mundial dos Refugiados no planeta.

Fonte: Assessoria do PSDB-Mulher Nacional
Data da Notícia: 21/06/2018

Veja o depoimento da parlamentar em seu gabinete na Câmara Federal:

2018-06-22T10:43:54+00:00 21 de junho de 2018|Tags: , , , , , |

Deixe um Comentário