Fortalecimento da bancada feminina do PSDB no Congresso é destaque em reunião do PSDB-Mulher

Foto: Dennys William

O fortalecimento da bancada feminina do PSDB no Congresso Nacional foi destaque durante a reunião nesta terça-feira (27), em Brasília, da coordenação Executiva do Secretariado Nacional do PSDB-Mulher. Na ocasião, as eleitas e reeleitas puderam expor as suas expectativas sobre o trabalho a ser desempenhado. A deputada federal eleita por Mato Grosso do Sul, Rose Modesto, agradeceu o empenho do segmento em ajudar as candidatas no período de campanha.

“Eu sou totalmente grata por esse carinho que recebemos do PSDB-Mulher. Mulheres como a Solange, como a Thelma, que eu tive a alegria de conhecer já há alguns anos, em nome delas, tantas outras lideranças que ajudaram a abrir estrada para aquelas que foram chegando depois, inclusive eu sou uma delas.”, agradeceu Rose, mais votada em seu estado e no país, proporcionalmente, com 9.75% dos votos válidos.

A ex-vice-governadora de MS ressaltou ainda a importância da presidente do PSDB-Mulher, Yeda Crusius, nesta jornada. “Eu gostaria de agradecer novamente você [Yeda Crusius] aqui é muito difícil ser candidata e cuidar de candidato, eu disputei uma eleição da prefeitura como é difícil você disputar uma eleição e cuidar dos seus vereadores.”, frisou.

A vereadora por Maceió, Tereza Nelma, também eleita deputada federal, manifestou sua felicidade por ter alcançado o cargo, que segundo ela, “muitos duvidaram da possibilidade” e sem quase nenhum apoio de lideranças importantes.

“O poder ainda não está com a gente, está com eles, mas a gente pode chegar lá.”, salientou.

Tereza Nelma propôs, como forma de fortalecimento e engajamento, a união da bancada feminina do PSDB na Câmara e no Senado em torno de em causas importantes.

“Eu quero muito senhora presidente, encontrar com as nossas oito deputadas e nossa senadora para ver quais são nossas bandeiras, quais bandeiras nós vamos levantar. Eu quero muito que a gente se fortaleça nisso.”, sugeriu.

Iniciante na vida política, Mara Rocha, eleita deputada federal pelo Acre, falou sobre o desafio de ser novata e disse que fará todo o possível para contribuir para o trabalho desempenhado pelo PSDB-Mulher.

“Para mim é um novo desafio. Tudo é novidade para mim nessa vida, tudo é novo, novo linguajar. Vocês que tem mais experiência eu quero que vocês me ajudem nesse processo. Quero muito honrar o PSDB-Mulher, fazer um belo trabalho, abraçar as causas do PSDB-Mulher também, me integrar cada vez mais.”, se comprometeu.

Mara Rocha foi a deputada federal mais votada no Acre e destacou a satisfação de superar todas as expectativas negativas dos homens sobre sua candidatura.

“Quando a mulher fala que vai fazer algo os homens duvidam, tentam abafar na verdade. E a gente mostrou que não estava para brincadeira, que íamos fazer parte da história política do nosso estado. Eu que agradecer a luta do PSDB-Mulher. Foi super importante o recurso enviado para a gente, foi fundamental.”, se referiu aos 30% do Fundo Partidário destinado às campanhas femininas da legenda.

A ex-prefeita de Monteiro (PB), Edna Henrique, também irá assumir uma cadeira na Câmara dos Deputados. A tucana disse que, assim como fez pelo seu município, quer desempenhar um trabalho sólido para ajudar seu Estado.

“Fiz o diferencial a todo contexto que foi possível na saúde, na educação, na infraestrutura e no desenvolvimento social. E hoje estou aqui também para fazer o diferencial junto com cada uma de vocês. É essa nossa proposta. Unidas nos fortaleceremos muito mais dentro do contexto e do conhecimento do qual cada uma adquiriu dentro das políticas públicas e sociais.”.

A deputada federal reeleita, Geovânia de Sá (SC), também contou como a perseverança de Yeda Crusius foi fundamental para o fortalecimento das mulheres nas eleições deste ano.

“Eu gostaria de dizer que tiveram duas cosias que marcaram na eleição todas as vezes que eu te [Yeda] ligava: a tranquilidade que você tinha para lidar com a situação e a perseverança. Você sempre dizia para mim por telefone: Geovania vai dar tudo certo, fica tranquila. Vai trabalhar, vai correr o estado.”, narrou.

Às demais eleitas, Geovania de Sá destacou como é necessário continuar o trabalho corpo a corpo com o eleitor, mesmo depois de eleita.

“Eu trabalhei meninas no estado, eu percorri 10 mil quilômetros por mês nos quatro anos de mandato, eu conheci todos os municípios de Santa Catarina e fui votada em todos, saí de 52 mil para mais de 100 mil votos, mas foi fruto do trabalho e nós mulheres temos essa força.”.

Nesta quarta-feira (28), as novatas irão participar de uma agenda especial na Câmara dos Deputados para conhecerem de perto o dia-a-dia Legislativo.

Reportagem: Shirley Loiola
Fonte: Assessoria do PSDB-Mulher Nacional
Data da Notícia: 27/11/18

Clique AQUI e veja mais fotos do evento.

2018-12-03T17:12:16+00:00 27 de novembro de 2018|Tags: , , , |

Deixe um Comentário