Alckmin é eleito presidente nacional do PSDB com apoio do PSDB-Mulher

Foto: Izys Moreira/ Ascom YC

O governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) foi eleito presidente nacional do PSDB, na 14ª convenção da legenda, em Brasília, neste sábado (9). Alckmin conquistou 470 votos sim e recebeu somente 3 votos não e 1 abstenção. A chapa eleita foi aclamada pelos presentes e conta com a presença do PSDB-Mulher – com respeito à cota de 30% – apoio dos segmentos da legenda.

Ocuparão lugares de destaque na nova Executiva Nacional do PSDB, a deputada federal Shéridan (PSDB-RR) e a deputada estadual Terezinha Nunes (PSDB-PE). Shéridan comandará uma das vice-presidências da legenda, enquanto Terezinha Nunes estará na segunda-secretaria da sigla.

Foto: Izys Moreira/ Ascom YC

A presidente do PSDB-Mulher, a deputada federal Yeda Crusius (PSDB-SP), ressaltou, que o segmento confia na gestão de Alckmin e acredita que ele apoiará o lema de “ampliar espaços” para as mulheres no cenário político nacional, estadual e municipal.

Esperança
Alckmin afirmou que a esperança reúne indignação e coragem, sentimentos que guiam as pessoas a fazer o melhor. “Nossa indignação e nossa coragem juntas vão mudar o Brasil”, afirmou ele, sendo aplaudido pelos presentes.
Segundo o presidente eleito do PSDB, em 2018 o país vai assistir o melhor desempenho da legenda nas urnas. De acordo com ele, o povo será ouvido e as contas serão prestadas diariamente. “Foi essa vida que escolhi e confesso que dela tenho muito orgulho”, afirmou.

Alckmin fez um panorama para o próximo ano: “Iniciado o processo eleitoral o Brasil vai presenciar nosso melhor desempenho: o nosso bloco de força de todos nos unidos, amigos, cada um de nos carrega uma história de lutas na política”. O lema de Alckmin será ouvir as demandas da rua e prestar contas, ele lembrou que abriu mão do exercício da medicina para se dedicar à vida política, porém não abandonou seus princípios. “Eu optei por me afastar do exercício da medicina e atuar na vida publica, mas nunca desisti de cuidar de pessoas e é isso que tenho feito ao longo da minha vida”.

Foto: Alexssandro Loyola/ Ascom PSDB

Otimismo
O presidente de honra do PSDB e ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, fez um discurso emocionado em que afirmou que, apesar de seus 86 anos, mantém o otimismo. “Quero dizer de todo coração: ‘eu acredito no povo e no Brasil’. Por isso eu ainda estou aqui”, disse ele.

Para Fernando Henrique, o PSDB é o símbolo da reconstrução do país. “Nós temos unidade mas devemos afinar nosso discurso. No final das contas nós só seremos alguma coisa, se formos capazes de representarmos esse povo. É pela pátria. É pelo nosso coletivo”, disse. “Temos que ter a unidade de todos nós para manter a democracia e avançar na economia.”

Tucanos
O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB-GO), destacou a importância de o PSDB conduzir um projeto para mudar o país e defendeu as reformas em discussão no Congresso Nacional. O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) reiterou que a disputa entre correntes não significa que o partido está dividido. “É revigorante”, disse ele.

Em seguida, Tasso acrescentou que: “O Brasil espera mais do que nunca um gestor com experiência e equilibrado com proposta para o povo brasileiro e não com propostas demagógicas. Vamos fazer com que o PSDB seja a alternativa que o Brasil precisa”.

Para o senador José Serra (PSDB-SP), o candidato do partido deve concentrar as atenções para melhorar a segurança e saúde públicas. O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Netto (PSDB-AM), acrescentou que é fundamental para construir um Brasil melhor apoiar as reformas em debate no Congresso Nacional.

Confira a composição da nova Executiva Nacional do PSDB:
1º vice-presidente- Marconi Perillo
Vices-presidentes – Ricardo Tripoli, Paulo Bauer, Flexa Ribeiro, Beto Richa, Shéridan, Aloysio Nunes
Vice-Jurídico – Carlos Sampaio
Secretário-geral – Marcos Pestana
1º secretário-geral – Eduardo Cury–
2ª secretária-geral – Terezinha Nunes
Tesoureiro – Silvio Torres
2º Tesoureiro – João Gualberto
Vogais: Eduardo Amorim, Cássio Cunha Lima, João Doria, Firmino Filho, Arthur Netto, Gilberto Vecchi, Bruno Araújo, Pedro Taques, Rogério Marinho, Nelson Machezan Jr.

 

Veja entrada e discurso de Yeda Crusius na 14ª Convenção Nacional:

 

Fonte: Assessoria do PSDB-Mulher
Crédito das Fotos: Izys Moreira/ Ascom YC e 
Data: 09/12/17

2018-02-28T13:54:28+00:00 9 de dezembro de 2017|Tags: , , , , |

Deixe um Comentário